Guaíba deve voltar a atingir cota de inundação

O Instituto de Pesquisas Hidráulicas (IPH) da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) alertou que o nível do Lago Guaíba pode ultrapassar os 3,60 metros, atingindo a cota de inundação, caso se confirmem as previsões de chuvas intensas e ventos fortes para este final de semana.

A nota emitida pelo IPH nesta quarta-feira, 26, indica que episódios de oscilação devido aos ventos podem causar elevações adicionais.

“Caso os ventos mais fortes se confirmem, há potencial para alcançar a cota de inundação no final de semana“, afirmou o instituto. A tendência de diminuição para níveis abaixo da cota de alerta só é esperada para o final da próxima semana, dependendo das condições de vento, chuvas previstas e volumes dos rios afluentes.

Níveis Atuais do Guaíba

Às 7h desta quinta-feira, 27, o nível do Guaíba estava em torno de 3,34 metros na régua Usina do Gasômetro, 19 centímetros acima da cota de alerta e 26 centímetros abaixo da cota de inundação.

O pico de nível registrado em 2024 foi no dia 5 de maio, com 5,35 metros. Desde então, o lago tem apresentado uma redução gradual devido aos volumes escoados pelos rios afluentes e episódios de represamento pelo vento sul, atingindo o menor nível de 2,48 metros no dia 14 de junho.

A nota do IPH também destacou que os rios afluentes ao Guaíba apresentaram uma redução lenta dos níveis na semana retrasada. No entanto, após chuvas elevadas no final de semana retrasado, todos os rios mostraram elevação, contribuindo para os altos níveis que causam alagamentos e inundações.

Previsão do Tempo

Segundo a Climatempo, a previsão indica que o frio intenso durará de 28 de junho a 2 de julho de, com destaque para os estados do Sul do Brasil. Na área roxa do mapa meteorológico (arte abaixo), as temperaturas estarão extremamente reduzidas, com previsão de geada generalizada desde o centro-sul e leste do Paraná até o sul do Rio Grande do Sul. Temperaturas negativas, chegando a -8°C, poderão ocorrer nas áreas mais elevadas da Serra Gaúcha e Catarinense. No sul do Mato Grosso do Sul, também há previsão de geada.

Além disso, as previsões meteorológicas indicam tempo chuvoso nos próximos 10 dias. Espera-se que nas próximas 24 horas chova entre 30 mm e 50 mm no norte do Rio Grande do Sul, com um acumulado de até 100 mm nos próximos 10 dias.

 

 

Fonte: O Antagonista 

Like
Cutir Amei Haha Wow Triste Bravo