Remédio para perda de peso reduz apneia do sono em 52% dos pacientes

A farmacêutica Eli Lilly informou, nessa sexta-feira (21/6), que seu medicamento para perda de peso, o Zepbound, ajudou a reduzir a apneia do sono moderada a grave de 52% dos pacientes em um estudo clínico.

Os resultados de dois estudos sobre o uso do Zepbound no tratamento de pessoas com apneia do sono foram apresentados na reunião científica da Associação Americana de Diabetes em Orlando, nos Estados Unidos.

O Zepbound usa a tirzepatida como princípio ativo. A substância é a mesma presente no Mounjaro, que também é fabricado pela Eli Lilly e foi aprovado pela Anvisa para o tratamento de diabetes tipo 2 no Brasil em setembro de 2023.

Zepbound para apneia do sono

De acordo com a farmacêutica, o Zepbound foi testado em dois estudos. No primeiro, os pacientes com apneia obstrutiva do sono receberam apenas a tirzepatida e tiveram uma redução de 43% dos sintomas. Apenas 14,9% das pessoas que receberam placebo alcançaram a resolução da doença.

No segundo estudo, os participantes testaram uma combinação do medicamento com terapia de pressão positiva contínua nas vias aéreas (CPAP), na qual o ar é bombeado para os pulmões para manter as vias aéreas abertas durante o sono. Para esses, os episódios de respiração irregular foram reduzidos em 51,5%. No grupo placebo, a resolução do problema foi observada em 13,6% das pessoas.

De acordo com os pesquisadores, a medicação ajudou a reduzir os biomarcadores relacionados à apnéia do sono, incluindo a dessaturação de oxigênio, pressão arterial e proteínas C reativas. Esses três são sinais de inflamação que podem indicar doenças cardíacas. (Com informações da Agência Reuters)

 

 

Fonte: Metrópoles 

Like
Cutir Amei Haha Wow Triste Bravo